Professores lotam a Câmara Municipal de Barra do Corda, e sessão se tornou tensa

Blog Minuto Barra, o Portal de Notícias do Gildásio Brito 

Professores da rede municipal de ensino, lotaram a galeria da Câmara Municipal de Barra do Corda, no final da tarde de ontem, terça-feira, última sessão do ano de 2017.

Os professores, com faixas e cartazes nas mãos, cobravam da mesa diretora, que pautasse um projeto do vereador Jaile, onde o mesmo se referia a garantia do pagamento dos 60% dos precatórios do FUNDEF, no orçamento de 2018 e na PPA para os professores.

Vereadores da base do prefeito e os da oposição, subiam a tribuna, e os ânimos na galeria so aumentavam ainda mais.

Jaile Lopes, foi o primeiro a fazer uso da palavra. Bastante revoltado, e sabendo que seu projeto seria derrotado pela base de vereadores do prefeito Eric Costa, o mesmo disse, que se encontrava bastante chateado ao fim do primeiro ano de mandato. “Eu não irei pedir a nenhum vereador, que vote pela garantia dos 60% dos precatórios do FUNDEF para os professores, usem a consciência de vocês, pois eu não entendo, o porquê da não aprovação”, disse o parlamentar.

Para contrapor, Alcenor Nunes subiu a tribuna, e neste momento, todos os professores protestaram contra o parlamentar, com as costas viradas para o mesmo. Alcenor alterou o discurso, e disse que sabia da sua decisão. “Eu sei o que eu estou votando, eu estudei a respeito destes precatórios, que sequer tem previsão de chegada às contas da prefeitura. Defendo minha classe, mas não irei votar em algo que a própria lei federal não permite, pois a mesma já garante a divisão, sendo 60% para os professores, e 40% para construção e reformas de escolas”, disse Nunes, que teve sua fala apoiada e repetida pela maioria dos parlamentares da base Eric Costa.

Graça do Ivan, Eteldo, João Pedro, Aurean, Nem do Swan, Gemilson Ribeiro e Raimundo da Rodoviária, subiram também à tribuna, e defenderam o pautamento das duas ementas de Jaile, como também a sua aprovação.

Eteldo, em sua fala, disse que o troco que os professores podem dá a Eric Costa e sua base de vereadores, pela não aprovação do projeto que garantia no orçamento de 2018 e na PPA, é nas eleições do ano que vem, todos votando contra Flávio Dino para o governo.

No final, o placar foi de 8 a 8, ou seja, empate no resultado, cabendo ao presidente Gil Lopes o desempate, e o mesmo votou, acompanhando a base do prefeito Eric Costa, fazendo com que, os professores manifestassem ainda mais revolta contra a casa legislativa.

Após o encerramento da sessão, os professores acuparam as dependências da Câmara Municipal por 20 minutos, e começou uma forte pressão em cima daqueles que votaram contra o pedido de Jaile.

Votaram pelo pautamento do projeto os seguintes vereadores;

*Jaile

*Eteldo

*Graça do Ivan

*João Pedro

*Aurean

*Nem do Swan

*Raimundo da Rodoviária

*Gemilson Ribeiro

Votaram contra o pautamento do projeto os seguintes vereadores;

*Alcenor

*Elias

*Adriano

*Vitalzinho

*Kassi

*Bena

*Cananéia

*Gil Lopes

Comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado.




Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores
e não representam opinião do autor deste blog.

*

code