São Luís, 9 de março de 2021
×
São Luís, 9 de março de 2021

Publicidade

Saúde

Temendo riscos de contaminação, Câmara Municipal de Barra do Corda segue com suas sessões de forma remota

Segundo o Presidente Gil Lopes, a pandemia continua contaminando muitas pessoas e não seria justo colocar os vereadores sob tamanho risco com sessões presenciais.

Temendo riscos de contaminação, Câmara Municipal de Barra do Corda segue com suas sessões de forma remota

A Câmara Municipal de Barra do Corda composta por apenas 17 vereadores vai continuar com suas sessões de forma remota, possivelmente, até o final do ano.

Segundo o vereador Gil Lopes, o próprio Congresso Nacional em Brasília pretende retomar com suas sessões presenciais apenas em novembro ou dezembro. “Não podemos colocar nossas vidas sobre tamanho risco. Temos colegas vereadores que precisam de uma proteção ainda maior. Eu mesmo, possuo problema de pressão alta e não seria justo retomar com nossas sessões presenciais em meio essa pandemia que castiga a humanidade”, disse Gil Lopes.

A pandemia que já matou quase 50 pessoas em Barra do Corda nos últimos 90 dias continua ameaçando a população em geral. CONTINUE LENDO ABAIXO A MATÉRIA;

Publicidade

Segundo a Fundação Osvaldo Cruz, três estados correm risco de sofrerem com uma segunda onda violenta de contaminação, sendo eles; Maranhão, Rio de Janeiro e Ceará.

Entre quinta-feira(20) e sexta-feira(21) o Brasil registrou 1.031 mortes provocadas pelo Coronavírus. Por se tratar de um final de semana, onde os registros em cartórios diminuem, o País registrou nas últimas 24h quase 500 mortes provocadas pelo vírus, sendo um total de 495. Além disso, mais de 60 mil pessoas foram infectadas nas últimas 24h no Brasil.

As sessões do Poder Judiciário em todo o país encontram-se ocorrendo de forma remota. O Enem que seria realizado nos meses de outubro e novembro acabou sendo suspenso e adiado para o ano que vem.

Por outro lado, o Poder Judiciário vem suspendendo provas de concursos público de várias prefeituras no Maranhão e em todo o Brasil devido os riscos de contaminação por parte do novo Coronavírus.

Segundo especialista em todo o Mundo, a pandemia só deixará de oferecer riscos de contaminação após a chegada da vacina.

 

Faça um comentário