São Luís, 4 de julho de 2020
×
São Luís, 4 de julho de 2020

Publicidade

Notícias

Prefeito do PCdoB da cidade de Paraibano(MA) manda fechar emissora de rádio e é repreendido pela Justiça do Maranhão

Blog Minuto Barra, o Portal de Notícias do Gildásio Brito 

Vários prefeitos no Maranhão, principalmente, do PCdoB, tentam a qualquer custo censurar meios de comunicação. Alguns desses prefeitos criaram nessa pandemia a palavra PÂNICO, para acusar a imprensa quando busca mostrar os erros praticados nas prefeituras.

prefeito do pcdob da cidade de paraibanoma manda fechar emissora de radio e e repreendido pela justica do maranhao - Prefeito do PCdoB da cidade de Paraibano(MA) manda fechar emissora de rádio e é repreendido pela Justiça do Maranhão - minuto barra

Publicidade

Uma rádio que foi fechada de forma irregular pela Prefeitura de Paraibano na última segunda-feira (18), ganhou hoje o direito de reabrir após um Mandado de Segurança. A Decisão foi assinada pelo juiz Caio Davi Medeiros Veras , titular da Comarca de Paraibano.

Ele determinou na decisão a imediata reabertura da rádio no prazo de três horas, sob pena de multa diária no valor de R$5.000,00 ao prefeito Zé Hélio e ao Domingos Lima Neto, diretor do setor de tributos da prefeitura.

Na decisão o juiz destacou o papel fundamental da rádio durante a pandemia do novo coronavírus, sendo o único veículo de comunicação que abrange todo o município.

“Único veículo de comunicação que abrange todo o território municipal, levando
notícias às classes sociais indistintamente, desempenha papel de grande relevância
perante o cenário atual que enfrentamos, exercendo, sobretudo, o dever de informação e
o direito de livre manifestação.” destacou o magistrado.

O valor da multa exagerada aplicada na rádio,  no valor de R$ 100 mil reais, também foi destaque na decisão do juiz. Segundo ele a rádio comunitária, os recursos são limitados, tomando por base a realidade do comércio local.

O fechamento da rádio foi repudiado por toda a imprensa do Maranhão, o caso ganhou repercussão e foi destaque nos principais veículos de comunicação do estado, classificando o ato como autoritário e uma tentativa de censura a liberdade de imprensa.

A imagem do atual prefeito, Zé Hélio (PCdoB), que deve tentar a reeleição no município, ficou bastante manchada, após o episódio. Segundo moradores, nunca na história da pequena cidade, houve um caso parecido de abuso de autoridade para censurar e calar, alguém que cobra melhorias da gestão.

Blog Enquanto Isso no Maranhão

Faça um comentário

Continue lendo...

Need Help? Chat with us