Governo Flávio Dino não paga médicos há quatro meses e profissionais entram em greve no Maranhão

Blog Minuto Barra, o Portal de Notícias do Gildásio Brito 

segundo ibge governo flavio dino lancou mais de 223 mil pessoas na extrema pobreza - Governo Flávio Dino não paga médicos há quatro meses e profissionais entram em greve no Maranhão - minuto barra

O governo Flávio Dino praticamente já colocou um fim naquele mega sistema de saúde que existia em hospitais e upas administrados pelo estado até dezembro de 2014.

Publicidade

O Programa Saúde é Vida criado pela então governadora Roseana Sarney levou qualidade nos atendimentos e procedimentos em todas as unidades hospitalares e upas do Maranhão.

Entre 2010 até 2014, o governo Roseana construiu, inaugurou e colocou para funcionar 55 hospitais e quase 15 Upas.

Cirurgias de cabeça, ortopédicas e tantas outras eram realizadas dentro do Maranhão na rede pública.

Desde que Flávio Dino assumiu o comando do estado a saúde deixou de ser prioridade em seu governo.

Vários hospitais já deixaram de funcionar. Upas com atendimentos precários por todo o estado e médicos reclamando de atrasos nos seus salários.

Um médico que presta serviço na Upa e no hospital de Coroatá acaba de informar ao jornalista Gildásio Brito de que se encontram há quatro meses sem receber seus salários. Os profissionais afirmam que chega a faltar alimentos em casa devido à falta de dinheiro para manter a família.

Desde a última semana os médicos cruzaram os braços devido à falta de pagamento dos salários. Agosto foi a última vez que receberam dinheiro.

Deixe seu comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade do autor e não expressam a opinião do Minuto Barra. Você pode ser denunciado caso comente algo racista, injúria ou difamação.

O seu endereço de email não será publicado.




Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores
e não representam opinião do autor deste blog.

*

code