São Luís, 19 de setembro de 2020
×
São Luís, 19 de setembro de 2020

Publicidade

Notícias

Flávio Dino tenta calar Hildo Rocha através de processo e perde a batalha no Supremo Tribunal Federal

“Fui eleito para fazer oposição a Flávio Dino e tenho que continuar. O intuito do Governador era me amedrontar, fazer com que eu me calasse e não criticasse os atos errados praticados por ele", disse Hildo Rocha.

Flávio Dino tenta calar Hildo Rocha através de processo e perde a batalha no Supremo Tribunal Federal

O deputado federal Hildo Rocha repercutiu a derrota sofrida pelo governador Flávio Dino, em ação que o comunista ajuizou no Supremo Tribunal Federal contra o parlamentar maranhense. A ação teve como origem entrevista concedida por Hildo Rocha, à Rádio Mirante, na qual o parlamentar afirmou que preferia que o dinheiro de recursos de emenda de bancada do Maranhão fosse destinado para investimentos em rodovias federais do que para as mãos do governador Flávio Dino.

1 - Flávio Dino tenta calar Hildo Rocha através de processo e perde a batalha no Supremo Tribunal Federal - minuto barra“Na entrevista, eu disse que durante os debates acerca da destinação das emendas impositivas de bancada alguns parlamentares defendiam que os recursos fossem destinados para a Secretaria de Saúde do Estado. Eu argumentei que colocar dinheiro de emendas nas mãos do governador seria desperdício de dinheiro público porque as emendas que nós enviamos para a Saúde, em anos anteriores, viraram éter. Ninguém sabe onde esses recursos foram aplicados. Disse ainda que a Polícia Federal está investigando a utilização de recursos federais destinados a saúde pública do Maranhão. Flávio Dino considerou uma ofensa e entrou com ação no Supremo Tribunal Federal alegando difamação. Mas, o Ministério Público Federal determinou o arquivamento e a Ministra Rosa Weber, que foi sorteada para relatar a ação arquivou a referida representação feita pelo Governador contra mim”, enfatizou Hildo Rocha.

Dino pretendia calar a voz de um opositor

Publicidade

De acordo com Hildo Rocha, a intenção do Governador era calar a voz de um parlamentar que foi eleito para representar o povo no campo da Oposição.

“Fui eleito para fazer oposição ao Governador Flávio Dino e tenho que continuar me opondo a tudo que considero prejudicial ao povo maranhense. O intuito do Governador era me amedrontar, fazer com que eu me calasse e não criticasse os atos errados praticados pelo Governo dele. Eu não subo à tribuna nem dou entrevista para falar da pessoa do Governador Flávio Dino. Eu me refiro sempre à administração do Governador Flávio Dino, que peca em quase todas as áreas. Em uma ou outra, acerta. Não posso dizer que há só erros; há acertos também”, ponderou.

Radicalismo de Flávio Dino prejudicou o Maranhão

Hildo Rocha enfatizou que a oposição radical feita por Flávio Dino, quando este exercia o mandato de deputado federal, no período em que Roseana Sarney governava o Estado, foi prejudicial ao maranhão.

“Naquele período, durante os 4 anos em que Dino foi Deputado Federal, ele não ajudou o Governo do Estado do Maranhão. Eu faço diferente, mesmo sendo do campo de oposição ao Flávio Dino, quando existem recursos para serem entregues para os estados, trabalho e defendo para que parte desses recursos sejam destinados ao governo do Maranhão”, destacou o deputado.

Falta de transparência gera desconfiança

O parlamentar ressaltou que a falta de transparência, por parte do governo estadual gera desconfiança. “A Polícia Federal vive na Secretaria de Saúde fazendo investigações. Portanto, se tiver que decidir entre mandar dinheiro diretamente para a saúde dos Municípios ou mandar para a saúde do Estado, eu prefiro mandar para os Municípios, porque os Municípios são mais carentes, precisam mais do apoio do Governo Federal do que o Estado. O Estado tem três quartos do ICMS que arrecada. O Estado arrecada quase 20 bilhões de reais em tributos por ano e pouco faz na área da saúde, principalmente no que diz respeito à saúde preventiva”, sentenciou Hildo Rocha.

Faça um comentário

Continue lendo...