São Luís, 5 de junho de 2020
×
São Luís, 5 de junho de 2020

Publicidade

Notícias

Governo Flávio Dino demite mais sete servidores do Socorrão Regional de Presidente Dutra

Blog Minuto Barra, o Portal de Notícias do Gildásio Brito

governo flavio dino demite mais sete servidores do socorrao regional de presidente dutra - Governo Flávio Dino demite mais sete servidores do Socorrão Regional de Presidente Dutra - minuto barra

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

O Blogueiro Gildásio Brito foi informado nas primeiras horas desta quarta-feira(22) que mais sete servidores que prestavam serviço no Hospital Socorrão Regional de Presidente Dutra, foram, demitidos ontem pelo governo Flávio Dino.

Publicidade

Sem nenhuma justificativa plausível, foram mandados embora; um servidor da farmácia básica, três maqueiros, um motorista e duas pessoas do setor administrativo.

Ao assumir o governo em janeiro de 2015, o governo Flávio Dino recebeu do governo Roseana um mega sistema de saúde totalmente equipado, com médicos e funcionários da mais alta competência, equipamentos de última geração instalados em Upas e hospitais administrados pelo estado e até mesmo transporte aéreo capaz de socorrer pessoas em situação gravíssima. Todo esse mega sistema, afirma os funcionários das unidades de saúde espalhados pelo estado, foi se acabando aos poucos desde que Flávio Dino assumiu o governo.

No hospital de Grajaú, também administrado pelo governo do estado, a situação a cada dia piora ainda mais com a falta de material, funcionários com salários em atrasos, médicos reclamando quanto a falta de suporte e tantos outros problemas. Na upa de Codó, falta pouco para que as portas sejam fechadas, caso, a prefeitura não receba o comando da unidade, já que o governo Flávio Dino tenta há tempos se livrar dos gastos. Segundo uma fonte, o prefeito de Codó não aceita receber o comando da Upa, e com razão. Mesma situação na Upa de São João dos Patos. O governo Flávio Dino precisa entender que gastar com propaganda não é prioridade!! Prioridade é investir pesado em saúde e educação.

O governo Flávio Dino mandou fechar os hospitais de Lago dos Rodrigues e Matões do Norte, deixando duas grandes regiões sem socorro adequado, os dois hospitais foram construídos e colocados para funcionar no governo de Roseana e fazem parte de um total de 55 construídos e inaugurados no governo dela.

Em 2019, a rede estadual de saúde teve seus serviços afetados pela demissão de funcionários, pelo atraso no pagamento de fornecedores e dos médicos, prejudicando a qualidade do atendimento prestado à população maranhense. Nesse cenário, em vez de aumentar os investimentos no setor para o ano 2020, o governo Flávio Dino fez um acréscimo de apenas R$ 1,3 milhão para a saúde em 2020, enquanto que os gastos com a propaganda aumentaram de R$ 63,5 milhões para R$ 76,6 milhões, uma elevação de R$ 13 milhões.

Segundo o Jornal O GLOBO, o governo Flávio Dino é terceiro no Brasil que mais fechou unidades de saúde em 2019, um total de 17 foram fechadas.

Aguardamos uma manifestação da direção do Socorrão de Presidente Dutra e da Secretaria de Estado da Saúde.

Faça um comentário

Continue lendo...

Need Help? Chat with us